Paisagem Imaginária – O mundo reinventado pela fotografia

17 11 2010
“Paisagem Imaginária” exibe mundo reinventado pela fotografia
Com curadoria de Eder Chiodetto, a mostra gratuita fica em cartaz na Panamericana Escola de Arte e Design até 20 de dezembro

Todos nós temos um mundo interior, um mundo que é enxergado de olhos fechados e se materializa no embate entre vestígios de realidades e memórias ficcionais. Transpor tal visão para o mundo real, no qual necessariamente somos obrigados a decodificar nossas fantasias e compartilhá-las com os demais, é o objetivo da exposição fotográfica “Paisagem Imaginária”, em cartaz na unidade Groenlândia (Rua Groenlândia, nº77, em São Paulo) da Panamericana Escola de Arte e Design até 20 de dezembro e que conta com curadoria do fotógrafo Eder Chiodetto, também curador do Clube de Fotografia do MAM-SP.
Ocupando três andares do prédio da Escola, a mostra exibe 106 fotografias lúdicas e criativas, feitas por alunos da Panamericana, por meio de uma grande diversidade de abordagens, como impressão em Fine Art, vinil, DVD e até mesmo em lona, formando uma grande instalação de trabalhos inéditos.
“Nesse caso, a fotografia funciona como uma fissura a denunciar o atrito entre o visto e o imaginado. Paisagem transitória, subjetiva, dialética, pessoal. Fotografia que experimenta, ousa. Paisagem imaginária”, explica Eder Chiodetto, curador da mostra.
Com suas imagens, os estudantes revelam inspirações surpreendentes, como a busca de fotografar a imagem “vista” por uma pessoa cega, combinando a foto da paisagem real com um desenho feito à base de descrições do que a pessoa com deficiência visual imaginou que existia no ambiente fotografado em que foi colocada. “É incrível perceber como as duas imagens se completam”, diz o aluno Miguel Alcade.
A obra Alice no País das Maravilhas também serviu de tema para a produção de uma foto bastante interessante presente na exposição. Nela, uma menina aparece trajada com um vestido semelhante ao usado por Alice, mas escondendo seu rosto com um espelho. A intenção, segundo o autor da foto, o estudante Bruno Oliveira, foi relacionar o mundo de Alice ao de sua irmã, que possui Autismo. “Ambas vivem sob a perspectiva de um mundo interior”, justifica.
Outro projeto interessante, do aluno Tacio Valente, foi transformar fotos de fãs de Cosplay (pessoas que se vestem com roupas de personagens de HQ´s) em desenhos parecidos com os de histórias em quadrinhos, preservando apenas os contornos das pessoas fotografadas, dando a aparência de que as fotos haviam sido feitas com traços à lápis.
“Participamos do desenvolvimento dos trabalhos desde o começo e acompanhamos a evolução dos alunos de perto. A experiência do Eder também foi fundamental para guiá-los nesse processo. Como resultado, criamos mais do que uma simples exposição de estudantes. É uma mostra feita por estudantes, mas com qualidade profissional, seguindo padrões de exigência iguais aos das principais exposições do circuito de arte brasileiro e internacional. Tenho certeza que o público irá gostar”, afirma Alexander Lipszyc, diretor da Panamericana Escola de Arte e Design.
Serviço:
Exposição “Paisagem Imaginária”
Local: Panamericana Escola de Arte e Design
Endereço: Rua Groenlândia, nº77, no Jardim Europa, em São Paulo
Período: até 20 de dezembro
Horário: segunda a sexta-feira das 9h às 21h e sábados das 9h às 12h. Domingo não abre.
Entrada gratuitaInformações: Tel. (11) 3887-4200
Panamericana Escola de Arte e Design
Projetos – Exposição “Paisagem Imaginária”

Série “Da angústia em liberdade”
Autor: Viviane Gondek
Inspiração: Trabalhei com auto-retratos de forma lúdica, fantasiosa e misteriosa (beirando obscuridade), Sempre explorando paisagens que me remetem a liberdade, mesmo estando dentro de um quarto, em minha cama. Os gatos são retratados também pois fazem parte do meu dia a dia e acompanham de perto uma mistura de sonho e caos interior em que às vezes me encontro.
Material e Técnica:  Fotografia digital.
Série “Paisagem no Escuro”
Autor: Miguel Alcade
Inspiração: fotografar a imagem “vista” por uma pessoa cega, combinando a foto da paisagem real com um desenho feito à base de descrições do que a pessoa com deficiência visual imaginou que existia no ambiente fotografado em que foi colocada.

Material e Técnica:  Jato de tinta sobre papel velvet. Fotografia digital.

Fonte: assessoria de imprensa D2 Comunicação
Série Impermanência
Autor: Iberê Ranieri – ILRanieri
Material e Técnica: Jato de tinta sobre papel fotográfico e Video Stop Motion. Fotografia Digital

This slideshow requires JavaScript.

Video ILRanieri

Actions

Information

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s




%d bloggers like this: